Avaliação

Comissão Própria de Avaliação

Trata-se de uma comissão autônoma, nomeada pela Diretora-Geral, destinada a conhecer e acompanhar a realidade institucional por meio de avaliações externas e da autoavaliação propondo melhorias relacionadas aos processos educativos. De acordo com o Art. 11 da Lei nº 10.861 de 14 de abril de 2004, que instituiu no Brasil o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES), toda instituição de ensino superior deve constituir sua Comissão Própria de Avaliação (CPA), por ato do dirigente máximo da instituição, ou por previsão do próprio estatuto ou regimento.

Quais são as atribuições da CPA? 

Zelar pelo cumprimento deste regimento e demais normas internas da Faculdade Prime, deliberar sobre as questões gerais que dizem respeito à avaliação institucional (AI), pronunciar-se sobre assuntos referentes à Avaliação Institucional (AI), elaborar e revisar o Plano de Avaliação Institucional (PAI) em consonância com demais normas internas e ferramentas que compõem o sistema de gestão da Faculdade Prime, auxiliar na coleta, organização, processamento de informações, elaboração de relatórios das atividades referentes à avaliação de cursos, programas, projetos e setores, considerando as diferentes dimensões institucionais, instrumentos e ferramentas já existentes e que fazem parte do sistema de gestão da Faculdade Prime, promover o desenvolvimento do PAI em consonância com demais normas internas e sistema de gestão da Faculdade Prime, providenciar a ampla divulgação de resultados da Avaliação Institucional, por meio de recursos tecnológicos por meio da internet, intranet, Whatzapp, site institucional, reunião com a comunidade acadêmica, folders…, sistematizar e prestar informações solicitadas pelo INEP, subsidiar e auxiliar o processo de planejamento institucional, assegurar a continuidade do Processo Avaliativo e propor melhorias para o processo de avaliação institucional da Faculdade Prime. 

Como é composta a CPA?

Constituída com representação dos segmentos da comunidade acadêmica e da sociedade civil organizada, a CPA da FAPRIME, com regulamento aprovado pelo Conselho Superior – pela resolução 004/2021, é composta por dois docentes, dois discentes, dois colaboradores técnico-administrativo e dois representantes sociedade civil organizada.

Composição

REPRESENTANTES DOCENTES

Rogerio Mayer – coordenador da CPA

Lucas Rasi Cunha Leite

REPRESENTANTES ADMINISTRATIVOS

Higor Batistela Zunta

Luana Xavier Oriozola de Mello

REPRESENTANTE DA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA

Katia Maria Medeiros Baez

Eduardo Brandão Filho

REPRESENTANTES DISCENTES

Caio César Monteiro Aguirre

Flávia Lopes Brandt

Contato

  1. Brasil, 616 – Cruzeiro, Campo Grande – MS, 79010-230

Telefone:

E-mail: cpa@faculdadeprime.com.br

Resumo de Avaliação Institucional 2021

1.     ANÁLISE DOS DADOS E DAS INFORMAÇÕES

A Comissão Própria de Avaliação da Faculdade Prime acredita na construção de uma instituição democrática, onde todos os segmentos têm o poder de gerar subsídios para a melhoria e aperfeiçoamento dos processos, e consequentemente promover o desenvolvimento e crescimento da Faculdade. Por meio dos resultados das avaliações é possível planejar, criar estratégias e auxiliar a tomada de decisão do corpo gestor, de modo a reforçar a prática de uma gestão participativa e democrática.

A Comissão Própria de Avaliação compreende que o ano 2021 foi um ano atípico e que a Faculdade Prime pode se adequar para atender cada dia mais e mais às normas e procedimentos legais para aprimorar ainda mais o processo de formação de seus acadêmicos contribuindo para a formação de líderes críticos e éticos que contribuam para o desenvolvimento.

Conscientes de que os processos de autoavaliação devem constituir um sistema que viabilize a integração das diversas dimensões da realidade institucional analisada e com o objetivo de assegurar as coerências conceituais e práticas, a CPA realizou a autoavaliação no ano de 2021 de forma harmônica e democrática entre todos aqueles que fazem parte do corpo acadêmico, docente e administrativo, evidenciando a realidade da Instituição em suas potencialidades e fragilidades no seu primeio ano de funcionamento em plena pandemia da COVID-19.

2.     AÇÕES COM BASE NA ANÁLISE

Nesta seção, relata-se as fragilidades apontadas pela comunidade acadêmica, em especial pelos acadêmicos e docentes, pois os colaboradorres nao registram nenhuma fragilidade, essa comissão deixa ainda, a sugestão de algumas açõess com base na análise realizada:

ACADÊMICOSAÇÕES COM BASE NA ANÁLISE
Análise: quanto as ações afirmativas de defesa dos Direitos Humanos e da igualdade étnico-racial, pode-se verificar um grande número de acadêmicos que consideram ser muito boa e excelente, todavia, uma parcela significativa desconhece tais ações.Ampliação e melhor divulgação  das  ações afirmativas de defesa dos Direitos Humanos e da igualdade étnico-racial.
Análise: considerando as alternativas suficiente, muito bom e excelente 76% dos acadêmicos participantes da pesquisa considera de forma positiva a promoção  de ações que visam à inclusão das pessoas com deficiência. Grande parte dos respondentes não soube responder.Ampliação e divulgação  das ações que visam à inclusão das pessoas com deficiência.
Análise: aproximadamente 50% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder e consideraram insuficiente a maneira como a Faculdade desempenha ações relacionadas à iniciação artística/cultural.Ampliação e melhor divulgação das ações relacionadas à iniciação artística/cultural.
Análise: mais de 40% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre a maneira como a Faculdade desempenha ações relacionadas à oferta de bolsa de pesquisa/iniciação científico-tecnológica.Ampliação e melhor divulgação das ações  relacionadas à oferta de bolsa de pesquisa/iniciação científico-tecnológica.
Análise: mais de 40% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre a maneira como a Faculdade desempenha ações relacionadas às ações para a formação de grupos de pesquisa.Ampliação e melhor divulgação das ações para a formação de grupos de pesquisa.
Análise: mais de 40% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder e consideram insuficiente a maneira como a Faculdade  divulga ações de estímulo às produções acadêmicas relacionadas à arte e a cultura.Ampliação e melhor divulgação das ações  de estímulo às produções acadêmicas relacionadas à arte e a cultura.
Impera destacar que 20% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre a política de participação dos acadêmicos em atividades como monitoria, estágio, iniciação científica, extensão.Ampliação e melhor divulgação das ações sobre a política de participação dos acadêmicos em atividades como monitoria, estágio, iniciação científica, extensão.
Válido destacar que 40% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre a oferta da Língua Brasileira de Sinais no curso.Ampliação e melhor divulgação das ações sobre a oferta da Língua Brasileira de Sinais.
Válido destacar que 44% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre a oferta do Nivelamento no curso.Ampliação e melhor divulgação das ações  sobre a oferta do Nivelamento.
Salienta-se aqui uma fragilidade na falta de conhecimento dos discentes com relação a execução do planejamento financeiro (orçamento com as respectivas dotações e rubricas) em relação ao previsto no PDI para gestão de ensino, pesquisa e extensão.Ampliação e melhor divulgação das ações  com relação a execução do planejamento financeiro (orçamento com as respectivas dotações e rubricas) em relação ao previsto no PDI para gestão de ensino, pesquisa e extensão.
Análise: considerando as alternativas suficiente, muito bom e excelente, apenas 72% dos acadêmicos participantes da pesquisa estão satisfeitos com a transparência e forma de divulgação da aplicação dos recursos financeiros da IES. Registra-se aqui uma fragilidade na transparência e divulgação da aplicação dos recursos financeiros da IES.Ampliação e melhor divulgação das ações com a transparência e forma de divulgação da aplicação dos recursos financeiros da IES.
Análise: mais 30% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre às instalações para o acervo de livros.Apresentação da biblioteca.
Análise: 30% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre os ambientes de estudos individuais e em grupo disponibilizados na biblioteca.Apresentação da biblioteca.
Análise: 30% dos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre o espaço disponibilizado para os colaboradores na biblioteca. Aponta-se aqui uma fragilidade a ser verificada.Apresentação da biblioteca.
Análise: registra-se aqui, fragilidades a serem verificadas, pois muitos acadêmicos participantes da pesquisa não souberam responder sobre os serviços da biblioteca.Apresentação dos serviços disponíveis na biblioteca.
DOCENTES 
Análise: considerando os percentuais registrados nas alternativas muito boa e excelente, 66,6% dos docentes participantes da pesquisa, consideram positivas as ações implantadas pela Faculdade Prime com relação a defesa e promoção dos direitos humanos, todavia, há uma porcentagem significativa que as considera insuficiente.Ampliação e melhor divulgação das ações implantadas pela Faculdade Prime com relação a defesa e promoção dos direitos humanos.
Análise: considerando o percentual registrado na alternativa excelente, 66,6% dos docentes participantes da pesquisa, consideram positivas as ações implantadas pela Faculdade Prime com relação a igualdade étnico-racial, impera destacar que há uma porcentagem significativa insatisfeita.Ampliação e melhor divulgação das ações implantadas pela Faculdade Prime com relação a igualdade étnico-racial.
Análise: considerando os percentuais registrados nas alternativas muito boa e excelente, apenas 66%dos professores participantes da pesquisa consideram positivas as ações da IES de estímulo às produções acadêmicas, considerando o aspecto: incentivo a publicações científicas.Ampliação e melhor divulgação das ações da IES de estímulo às produções acadêmicas, considerando o aspecto: incentivo a publicações científicas.
Análise: considerando os percentuais registrados nas alternativas muito boa e excelente, apenas 66%dos professores participantes da pesquisa consideram positivas as ações da IES de estímulo às produções acadêmicas, considerando o aspecto: incentivo a publicações científicas.Ampliação e melhor divulgação das ações da IES de estímulo às produções acadêmicas, considerando o aspecto: incentivo a publicações científicas.
Análise: considerando os percentuais registrados nas alternativas insuficiente e não sei responder, 50% dos professores participantes da pesquisa registraram uma fragilidade a ser tratada pela IES com relação as ações relacionadas ao estímulo às produções acadêmicas artísticas e culturais.Ampliação e melhor divulgação das ações relacionadas ao estímulo às produções acadêmicas artísticas e culturais.
Análise: considerando os percentuais registrados nas alternativas insuficiente, 20% dos professores participantes da pesquisa consideram insuficientes as ações da IES de estímulo às produções acadêmicas, considerando o aspecto: grupo de pesquisa.Ampliação e melhor divulgação das ações da IES de estímulo às produções acadêmicas, considerando o aspecto: grupo de pesquisa.
Análise: 50% dos professores participantes da pesquisa não souberam responder sobre as ações da IES de estímulo à participação em eventos.Ampliação e melhor divulgação das ações da IES de estímulo à participação em eventos.
Análise: 33% dos professores participantes da pesquisa consideram insuficientes as ações de divulgação da IES de incentivo a publicações científicas.Ampliação e melhor divulgação das ações da IES de incentivo a publicações científicas.
Análise: 33% dos professores participantes da pesquisa consideram insuficientes as ações de divulgação da IES de estímulo às produções acadêmicas artísticas e culturais.Ampliação e melhor divulgação das ações de divulgação da IES de estímulo às produções acadêmicas artísticas e culturais.
Análise: 33% dos professores participantes da pesquisa não souberam responder sobre as ações de divulgação da IES de estímulo às produções acadêmicas por meio de bolsas de pesquisa.Ampliação e melhor divulgação das ações da IES de estímulo às produções acadêmicas por meio de bolsas de pesquisa.
Análise: 33% dos professores participantes da pesquisa não souberam responder sobre as ações de divulgação da IES de estímulo às produções acadêmicas por meio de auxílio para participação em eventosAmpliação e melhor divulgação das ações da IES de estímulo às produções acadêmicas por meio de auxílio para participação em eventos.
Análise: 50% dos professores participantes da pesquisa não souberam responder sobre a oferta do Curso de Nivelamento.Ampliação e melhor divulgação das ações
Análise: 33% dos professores participantes da pesquisa não souberam responder se a  Faculdade estimula e oferece os recursos necessários para a prática de pesquisa.Ampliação e melhor divulgação das ações sobre a oferta do Curso de Nivelamento.
Análise: 33% dos professores participantes da pesquisa consideram insuficiente o Plano de Cargos Carreira e Salário da Faculdade.Revisão do Plano de Cargos Carreira e Salário da Faculdade.
Análise: considerando os percentuais registrados nas alternativas muito boa e excelente, apenas 66% dos professores participantes da pesquisa, consideram positiva a política de bolsas e/ou convênios para cursos de pós-graduação subsidiados pela Instituição.Revisão da política de bolsas e/ou convênios para cursos de pós-graduação subsidiados pela Instituição.
Análise: 40% dos professores participantes da pesquisa, não souberam responder para avaliar a gestão institucional em funcionamento na instituição, considerando o aspecto: autonomia e representatividade dos órgãos de gestão e colegiados.Ampliação e melhor divulgação da possibilidade de participação com autonomia e representatividade nos órgãos de gestão e colegiados.
Análise: apenas 66% dos professores participantes da pesquisa, consideram excelente a gestão institucional em funcionamento na instituição, considerando o aspecto: Participação de professores, colaboradores, acadêmicos e sociedade civil organizada nos colegiados.Ampliação e melhor divulgação da possibilidade de participação de professores, colaboradores, acadêmicos e sociedade civil organizada nos colegiados.
Análise: apenas 66% dos professores participantes da pesquisa, consideram excelente a gestão institucional em funcionamento na instituição, considerando o aspecto: critérios de seleção e recondução dos seus membros aos colegiados.Ampliação e melhor divulgação dos critérios de seleção e recondução dos seus membros aos colegiados.
Análise: apenas 66% dos professores participantes da pesquisa, consideram suficiente e  excelente a execução do planejamento financeiro (orçamento com as respectivas dotações e rubricas) em relação ao previsto no PDI para gestão de ensino, pesquisa e extensão.Ampliação e melhor divulgação das ações relacionadas a execução do planejamento financeiro (orçamento com as respectivas dotações e rubricas) em relação ao previsto no PDI para gestão de ensino, pesquisa e extensão.
Análise: apenas 66% dos professores participantes da pesquisa, consideram suficiente e excelente a transparência e divulgação da aplicação dos recursos financeiros.Ampliação e melhor divulgação das ações relacionadas a transparência e divulgação da aplicação dos recursos financeiros.
Análise: considerando as alternativas suficiente e excelente, apenas 66% dos docentes participantes da pesquisa estão satisfeitos com a infraestrutura física da biblioteca com relação às Instalações para o acervo de livros.Reorganização da infraestrutura física da biblioteca com relação às Instalações para o acervo de livros.
Análise: considerando a alternativa suficiente e excelente, apenas 66% dos docentes participantes da pesquisa, estão satisfeitos com a limpeza do espaço de convivência disponível na IES.Melhora na higienização do espaço de convivência.
Análise: considerando as alternativas suficiente, muito boa e excelente, apenas 66% dos docentes participantes da pesquisa, estão satisfeitos com a segurança do espaço de alimentação disponível na IES.Melhora na segurança do espaço de alimentação.
Análise: considerando as alternativas suficiente e excelente, apenas 66% dos docentes participantes da pesquisa, estão satisfeitos com a acessibilidade do espaço de alimentação disponível na IES.Melhora na acessibilidade do espaço de alimentação.
Análise: considerando as alternativas suficiente e excelente, apenas 66% dos docentes participantes da pesquisa, estão satisfeitos com o estado de conservação do espaço de alimentação disponível na IES.Melhora no estado de conservação do espaço de alimentação.

Em razão dos resultados expostos no desenvolvimento deste relatório, a CPA, empenhada na responsabilidade do processo educacional no ensino superior, reconhece a necessidade de ampliar suas ações no sentido de aprimorar o desenvolvimento da Instituição em todos as dimensões, com ampla divulgação dos resultados no presente relatório já apresentado, reiterando dessa forma, o compromisso com a comunidade acadêmica da Faculdade Prime.

A CPA pretende contribuir com maior afinco e de maneira efetiva para que todos os processos ocorram de forma clara e eficiente. Os resultados apresentados neste relatório confirmam que a Faculdade Prime tem trabalhado para implementar e aprimorar um sistema de autoavaliação igualitário e participativo, organizando e facilitando os processos internos e externos, atendendo dessa forma ao disposto na lei 10.861 de 2004, garantindo clareza e transparência na divulgação das informações junto à sua comunidade e aos órgãos reguladores, visando a melhoria contínua do ensino ofertado.

Os resultados contidos neste Relatório foram divulgados à comunidade acadêmica por meio do ambiente virtual de aprendizagem. A Comissão encontra-se à disposição para todos e quaisquer esclarecimentos que, de alguma forma, os atores possam expressar do seu posicionamento quanto ao feedback dos resultados, como também aos que desejam contribuir de forma relevante para a o alcance da excelência educacional da instituição presencialmente na sala da CPA ou via e-mail: cpa@faculdadeprime.com.br

Skip to content